Páginas

19 de janeiro de 2009

A DOENÇA DA ALMA


Por trás deste óculos escuros há um olhar que se perde na imensidão do universo, não tem rumo nem objetivo. É perdido, é de solidão. A alma se perde entre as galáxias e nada mais faz sentido. A passagem do tempo se torna agoniante e as horas eternas. As maravilhas tornam-se intediantes e o pôr-do-sol preto e branco. Esta é a dor da alma, a dor que mais dói. É inigualável a qualquer outra que possa existir. Ainda não há cura para esta doença, apenas porções para atenuar a dor, porém isso não basta para quem sofre do maior mal da humanidade!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentem =)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...