Páginas

8 de fevereiro de 2010

O caos do mercado de trabalho

Uma causa da maioria dos problemas emocionais e psicológicos hoje em dia é a infelicidade profissional. Muito dos empregados hoje abrem mão do seu bem-estar emocional, familiar e social para poder usufruir de uma renda mensal mais "gorda''. Porém como já ouvi dizer, o prejuízo emocional e físico são maiores que as vantagens financeiras do mercado de trabalho.
Boa parte dos profissionais exercem atividades diferentes das que foram especializadas, isso faz com que a infelicidade e os problemas como stress, depressão, baixa auto-estima aumentem gradativamente, lembrando que as oportunidades de crescerem no mercado de trabalho nestes casos são mais difíceis.
Ter um curso superior hoje em dia é quase o requisito mínimo que um candidato precisa ter. Os salários não condizem com o serviço executado e principalmente com a inteligência de certos profissionais.
Mas então o que fazer?
Nem sempre o sinônimo de trabalhar muito é ter uma boa recompensa final, hoje trabalhamos muito e sinceramente ganhamos pouco. As empresas privadas do Brasil pouco valorizam os seus empregados muitas vezes recompensando pessoas com nível superior com um ou dois salários mínimo, uma vergonha para um país deste porte. Talvez seja por isso que a nação empaca e para de crescer.
Creio que uma das soluções seja estudar mais e engordar o currículo (ou não), pois o mercado hoje está como um ninho de cobras, falando severamente. As pessoas não se respeitam, as empresas não valorizam, assim os profissionais procuram cada vez mais por cargos em serviços públicos, no qual tem uma estabilidade maior e mais chances de se manter e crescer no mercado de trabalho brasileiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentem =)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...